VISITA À ANTONINA

Bem mais interessante que viajar de automóvel é navegar pelo Lagamar.

Partindo de Cananéia a Traineira #Manjuba chega a Anonina, PR, tradicional porto situado no fundo da baía que leva o nome da cidade, na raiz da Serra da Graciosa, após 8 horas de viagem pelos canais que costeiam ilhas e a orla continental. No trajeto são inúmeras vilas, comunidades e bairros perdidos nas praias e florestas do Lagamar. Habitados por pescadores artesanais e agricultores famíliares, vivem praticamente isolados de todos e de tudo.

Entre as comunidades, se destaca a cidade fantasma, antiga Vila de Ararapira, PR. Nas proximidades, do outro lado do canal, o Ariri, distrito histórico de Cananéia, SP, tem estrutura razoavel, com restaurantes, pousadas, marinas e equipamentos próprios de laser.

De Antonina,PR através de rodovias asfaltadas é possível alcançar outras cidades do Estado do Paraná. Inclusive fazer o tradicional passeio de litorina, entre Curitiba, PR e Morretes,PR através da Serra da Graciosa.

Vista da praça central de Antonina, PR

 

A cidade dispõe de bons hoteis e ótimos restaurantes, permitindo os passageiros a visitarem e permanecerem alguns dias aproveitando as atrações, com destaque para degustarem o tradicional barreado e outros pratos regionais.

Porto do Rio Tagaçaba, ditrito de Tagaçaba, Guaraqueçaba, PR